Recurso de economia para ISS-Cuiabá

por Paulo Roberto Ferreira em 31/03/2016
Deixo aqui uma fundamentação para recurso contra o gabarito da questão 41 da prova de economia do ISS-Cuiabá:
 
"A banca examinadora dá como gabarito a alternativa '(A) Duas curvas nunca se cruzam, o que viola o pressuposto de transitividade das preferências.'
 
De fato, respeitado o pressuposto da transitividade, duas curvas de indiferença jamais se cruzam. Como necessariamente estas curvas de indiferença representam dois diferentes níveis de utilidade para o consumidor, elas não podem se cruzar em nenhum ponto do espaço de bens porque uma naturalmente representa maior nível de utilidade do que a outra.
 
Ocorre que, da maneira como está colocada a afirmação da alternativa “a”, somos levados a crer que é o fato de não se cruzarem que viola o pressuposto da transitividade. Ou seja, a afirmação propõe exatamente o contrário do que a teoria microeconômica pressupõe.
 
Se duas curvas nunca se cruzam, então estamos respeitando o pressuposto da transitividade das preferências e não o violando.
Da forma como a alternativa está redigida, temos uma inversão entre a lógica do pressuposto e sua conseqüência natural no gráfico do espaço de bens.
 
Assim, como as demais alternativas estão claramente incorretas, respeitosamente solicita-se a anulação de questão."
 
Deixe seu comentário:
Ocorreu um erro na requisição, tente executar a operação novamente.