LIQUIDEZ CORRENTE

por Ercilio Marinho em 30/05/2017
Olá, vencedor(a)!
A cada semana, haverá publicação de artigos referente ao estudo da ANÁLISE DAS DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS.
 
Vamos começar pelo Índice de Liquidez CORRENTE/COMUM.
 
1) CONCEITO
 
É o índice que demonstra a capacidade da empresa de pagar suas dívidas de curto prazo com os recursos de curto prazo (disponível, direitos a receber, estoques). Essa relação é evidenciada pela divisão entre o Ativo Circulante e o Passivo Circulante (LC = AC / PC).
É o melhor indicador da situação de liquidez da empresa.
SÉRGIO DE IUDÍCIBUS
 
Vamos exercitar!
(CESPE - 2013 - TCU) O índice de liquidez corrente resulta da divisão do ativo circulante pelo passivo circulante e mede a capacidade de pagamento da empresa a longo prazo.
Gab. ERRADO
 
2) INTERPRETAÇÃO DO ÍNDICE
 
O resultado deste índice indica se o ativo circulante tem condições ou não de honrar com as obrigações de curto prazo e, de maneira geral, se o índice estiver ACIMA de 1, então a empresa possui uma boa folga financeira (Capital Circulante Líquido POSITIVO). Caso identifique um resultado ABAIXO de 1, a empresa não consegue quitar com as dívidas de curto prazo (Capital Circulante Líquido NEGATIVO).
 
Outra questão!
(CESPE - 2014 - ANTAQ) Considere que o indicador de liquidez corrente da empresa Alfa seja igual a 1,40, e o da empresa Gama, igual a 0,40. Nessa hipótese, o indicador revela que a empresa Alfa possui capital circulante líquido positivo, ao passo que a empresa Gama possui capital de giro negativo.
Gab. CORRETO
 
3) FATORES LIMITATIVOS
 
Segundo MARION, esse índice apresenta alguns fatores limitativos em sua análise, tais como:
a) Não revela a qualidade dos itens que integram o ativo circulante.
Vamos exemplificar!
A empresa EMTF registrou os seguintes valores no balanço.
AC
Caixa………................80
Banco………................70
Clientes……................200
Estoques…................250
PC
Fornecedores…………….400
 
LC = AC / PC
LC = 600 / 400
LC = 1,5
 
Na apuração deste índice, apesar de o resultado numérico ser positivo (uma folga financeira), determinados itens do ativo circulante (clientes) poderiam se tornar impagáveis (devedores incobráveis) e/ou até baixados (estoques) em virtude de uma perda ocasionada por incêndio. Caso essas situações se tornem uma realidade, isso poderia mascarar um “resultado positivo” em termos de valor, porém, em termos de qualidade dos itens, poderia comprometer a capacidade da empresa em efetuar o pagamento das obrigações de curto prazo.
 
Atenção: Uma grande concentração de valores no estoque tende a ocasionar mais dificuldade para convertê-lo em dinheiro, por exemplo, em momento de recessão.
 
b) Não revela a sincronização entre recebimentos e pagamentos.
Os prazos diferentes de vencimentos dos direitos a receber e das obrigações a pagar, principalmente quando o prazo de pagamento for MENOR que os recebimentos, podem comprometer a análise do resultado e, assim, refletir uma interpretação não tão realista do índice.
 
Para finalizar, observe como foi cobrado recentemente.
(CESPE - 2016 - TCE/PA) O índice de liquidez corrente não revela a qualidade dos itens que compõem o ativo circulante, o que inviabiliza a realização de avaliação acerca da real capacidade de esses ativos liquidarem os passivos de curto prazo.
Gab. CORRETO
 
Espero que tenham apreciado!
Que Deus abençoe sua caminhada!
 
 
Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele tudo fará.
(Salmos 37.5)
 
Deixe seu comentário:
Ocorreu um erro na requisição, tente executar a operação novamente.