Como se preparar para a prova de Espanhol do BNDES

por Marise Zappa em 29/01/2013
  Como se preparar para a prova de Espanhol do BNDES
 - Direcionar a preparação de acordo com a área de cada um de vocês. E o que isso quer dizer ? Quer dizer que vocês devem procurar ler textos em Espanhol voltados para a área de atuação; ex: quem é advogado deve procurar ler textos atuais com terminologia jurídica; quem é analista de sistemas deve ler textos da área de Informática, e assim por diante.
- Resolver todas as provas anteriores para treinar e conhecer o estilo da banca, no caso a CESGRANRIO. E como é o estilo dessa banca? Geralmente nas provas há um equilíbrio entre as questões de interpretação textual (textos da atualidade) e as questões gramaticais (são cobradas regras gramaticais).  Cuidado com os sinais de pontuação que a banca costuma usar para confundir o candidato, alterando o contexto das alternativas → “pegadinhas”. Mas, de um modo geral, as provas de Espanhol não são muito difíceis
O que fará a diferença na hora da prova é identificar as “armadilhas” colocadas pela banca.
- Ler textos voltados para as áreas para as quais vocês prestarão a prova (acessar sites de jornais online como El País, La Nación, El Mundo, entre outros).
- Procurar entender o texto, a ideia principal do mesmo e as estratégias de argumentação. Uma boa leitura do texto faz toda a diferença!
 
- Tentar entender as mensagens subliminares que o texto transmite. Nessa hora temos que dar uma de detetive e ver o que está “escondido” por trás de uma exposição de ideia do autor do texto.
- Ao ler o texto, prestar atenção na Gramática: advérbios, conectores, conjunções, preposições, expressões idiomáticas, verbos. Falando em verbos, os chamados verbos de citação desempenham papel importante dentro do texto porque diferenciam as afirmações, dizendo se são informativas, argumentativas, enfáticas, repetitivas, adicionais ou complementares. Entre os que costumam aparecer com mais frequência podemos citar: decir, manifestar, expresar, señalar, añadir, mantener, subrayar, enfatizar, sostener, declarar. Geralmente eles aparecem nos textos na terceira pessoa do singular do PRETÉRITO INDEFINIDO DO INDICATIVO.
 
- Saber diferenciar os segmentos do texto - afirmações ou hipóteses?
  Fato real ou fictício?
Modo indicativo = fato real
Modo subjuntivo = fato hipotético, provável, possível / desejo /  esperança / expectativa
- É muito importante também prestar atenção aos tempos verbais que aparecem nas perguntas e nas alternativas. Os verbos são importantíssimos para entender o que o texto diz: se as afirmações são reais ou prováveis; se a ação é passada ou recente, etc.
- Voltem ao texto quantas vezes for necessário, leiam o texto novamente, até encontrarem onde está a resposta da questão. Vocês devem ler com calma os enunciados e as alternativas para não se confundirem na hora de escolher a alternativa correta.
- Estudar Gramática. E o que costuma ser mais cobrado nas provas?
a) falsos amigos
b) expressões idiomáticas
c) tempos verbais (principalmente Pretérito Perfecto e Pretérito Indefinido)
d) equivalência entre numerais
   millón = milhão
   mil millones = 1 millardo= bilhão
   billón = trilhão
 
e) Uso dos pronomes complemento LO,LA,LOS,LAS,LE,LES. Lo,La, Los, Las são usados como complemento direto/ Ex: Compré unos zapatosLos compré negros. O LOS refere-se aos zapatos.
Le, Les são usados como complemento indireto/ Ex: Enviaron un mensaje a JoseLe enviaron un mensaje. O LE refere-se a Jose.
OBS: quando na mesma oração aparecerem os dois pronomes complemento indireto e direto juntos, o pronome complemento indireto vem antes do direto e os pronomes LE e LES serão substituídos por SE.
Ex: Dimos el libro al profesor → Se lo dimos.
                                             Le → se (CI) / el libro → lo (CD)    
 
f) equivalência esp>port:
         enseguida                         imediatamente
         pronto                               logo
         luego                                depois
         apenas                             quase
         todavía                             ainda
         en cuanto                         logo que, assim que
 
g) conectores espanhois:
 todavía          = ainda
mientras        = enquanto
mientras tanto = enquanto isso
aún                = ainda
aun                = inclusive / até mesmo
aunque         = ainda que / embora
sin embargo = no entanto / entretanto
sino = mas sim / a não ser / mas / como também
en cuanto = logo que / assim que
en cuanto a = no que se refere a / com relação a
si bien = embora
 
h) sinônimos
por supuesto  = por cierto (claro)
tal vez = quizás = a lo mejor (talvez, possivelmente)
mientras = a la vez (enquanto)
después = a la postre = tras (depois)
pronto = en seguida (em seguida)
a menudo = frecuentemente (frequentemente)
de hecho = en efecto (de fato)
asimismo = también (também)
por ello = por lo tanto = de ahí que (portanto, logo)
en cambio = por el contrario = por otra parte (por outro lado)
en suma = en resumen (resumindo)
sin embargo = no obstante = empero ( no entanto, contudo, entretanto )
adrede = propositadamente (de propósito)
 
  1. Pronome ELLO
*trecho de texto da prova BNDES 2009 – Técnico de Arquivo
 Ahora todos los ojos están puestos en lo que los Juegos podrán hacer en la transformación de Río, clave económica, cultural y emblemática de Brasil, y la repercusión que podrán tener en el resto del país. Por ello, Lula - contó ayer que Barack Obama.
36. En el tercer párrafo, el pronombre ello tiene como referente
a) el periodo anterior.
b) el periodo posterior.
c) Lula.
d) Barack Obama.
e) Brasil.
Alternativa correta letra A  = por isso / o pronome neutro ELLO refere-se ao que foi dito anteriormente.
 
 
 
Saludos,
Marise Zappa
marisezappa@gmail.com
marisezappa@estrategiaconcursos.com.br
 
 
 
 
 
 
 
 
Deixe seu comentário:
Ocorreu um erro na requisição, tente executar a operação novamente.