Chegando no Tec Concursos! Área de Informática!

por Evandro Dalla Vecchia em 09/02/2018
E aí pessoal, tudo belezinha?
 
Sou o professor Evandro Dalla Vecchia e entrei para o time Tec neste ano de 2018. Além de professor, sou perito criminal na área de informática (e eventualmente em outras também, para quem gosta de CSI hehehe). Além da paixão pela perícia e pela docência, comecei a me dedicar a concursos públicos, após solicitações para a gravação de vídeo-aulas para o concurso de perito criminal do IGP/RS em 2017.
 
Espero ajudá-los nas questões de informática, inclusive separei uma bem interessante que comentei há pouco:
 
Código: 547653
 
Considere um computador de 64 bits, cujos endereços sequenciais de memória abaixo são válidos.
 
Endereço 1: 000000000022FE38
Endereço 2: 000000000022FE40 (8 bytes a mais que o endereço 1)
Endereço 3: 000000000022FE48 (8 bytes a mais que o endereço 2)
Endereço 4: 000000000022FE4C (4 bytes a mais que o endereço 3)
 
Agora podemos analisar as alternativas.
 
a) a capacidade de memória é limitada a 8 GB.
 
ERRADA: Cada endereço possui 16 caracteres em hexadecimal, logo são 64 bits (16 x 4). Se 230 = 1GB, então 231 = 2GB, 232 = 4GB e 233 = 8GB. Desta forma já descartamos a limitação da memória a 8GB. Dica: Decore 230 = 1GB para não perder tempo com cálculos.
 
b) no endereço 1 pode ser armazenado um dado de 4 bytes.
 
ERRADA: O enunciado deixa claro que são 4 endereços sequenciais. A diferença mais fácil de visualizar é entre os endereços 2 e 3. Olhando apenas o byte final verifica-se a diferença de 8 (40 para 48). Logo, pode-se armazenar 8 bytes.
 
c) o barramento de endereço possui 32 linhas.
 
ERRADA: Como já mencionado no comentário da alternativa A, um endereço possui 64 bits, então o barramento de endereço deve possuir 64 linhas, a não ser que outra informação fosse fornecida.
 
d) no endereço 3 pode ser armazenado um dado de 6 bytes.
 
ERRADA: Idem ao comentário da alternativa B.
 
e) o endereço 1 fica a 14 bytes de distância do endereço 4.
 
CORRETA (PASSÍVEL DE RECURSO): De acordo com o examinador, esta seria a resposta correta, pois subtraindo o endereço 4 pelo endereço 1 o resultado seria 14. Porém, seria 14 na base 16. Como somente os últimos dois caracteres em hexadecimal são diferentes nos endereços 1 e 4, vamos subtrair 4C por 38: transformando 4C em decimal temos 76, e 38 em decimal temos 56. A diferença de 76 para 56 é 20 (decimal). Outra forma de verificar é analisando os comentários em vermelho entre parênteses, ao lado dos endereços. Nota-se um salto de 8 bytes do endereço 1 para o end. 2 e do end. 2 para o end. 3. Mas entre os endereços 3 e 4 nota-se um salto de apenas 4 bytes. Somando 8 + 8 + 4, temos 20 bytes. Talvez o examinador quisesse colocar (14)16 no enunciado, mas isso não temos como adivinhar.
 
Gabarito: E
Meu gabarito: Nenhuma
 
 
 
Para quem quiser me seguir no Facebook, pode me encontrar em @profevandrodallavecchia.
 
Grande abraço!
Evandro Dalla Vecchia
Deixe seu comentário:
Ocorreu um erro na requisição, tente executar a operação novamente.