4 Erros Comuns em Concursos Públicos

por Nadjine Terhoch em 10/10/2019
                                      
 
De concurseiros de primeira viagem até os de nível sênior, é normal estudantes  cometerem erros comuns em concursos públicos. O mais preocupante é que estes detalhes podem acabar desmotivando o candidato em sua jornada rumo à vaga sonhada.
 
Para que você não cometa mais erros — ou para se  previna antes mesmo de iniciar os estudos — confira a lista que o Tec Concursos preparou para te ajudar a ficar esperto!
 

1. Um dos principais erros comuns em concursos públicos — começar a estudar tarde

Você sabe quanto tempo tem para estudar após o lançamento do edital? Geralmente, dois meses, o que é insuficiente para qualquer pessoa aprender todo conteúdo exigido. 

Por isso, é essencial que você já esteja preparado e saiba a vaga que vai concorrer antes mesmo de sair o edital. Desta forma, pode se basear nos assuntos exigidos em provas anteriores da mesma banca para iniciar os seus estudos.

Assim que o edital for liberado, você já terá as matérias na ponta da língua e precisará estudar somente atualidades e temas que não caíram nos certames anteriores que você analisou.


2. Mudar de área constantemente

Outro problema frequente é mudar de foco constantemente. É preciso que você escolha uma área e trilhe seus estudos com esta base até o fim. 

É assim que vai conseguir estudar muito antes do edital, e saber quais matérias prestar mais atenção, sem falar a resolução de provas anteriores.

É muito comum, por exemplo, estudantes prestarem concurso para área fiscal, e depois área policial e educação. Tenha em mente que, quanto mais a atenção foi dividida entre universos que não têm conexão entre si, mais demorado será o caminho para o sucesso na carreira pública.
 

3. No estudo — falta de foco na matéria

É tanta informação sobre as melhores maneiras de aprendizado que o candidato pode ficar confuso. Tentar várias técnicas de estudo não garante triunfo na prova, e ainda tira o foco do que verdadeiramente importa, que é entender a matéria e praticar com questões. 

Há por exemplo, estudantes que gostam de fazer resumos, pois isso dá a impressão de aprendizado. A insistência custe o que custar, mesmo se não compreendeu a matéria, é muito prejudicial no fim das contas. 

Caso não tenha entendido, o estudante que copiou diversas partes do texto continuará lendo aquele material, mas será incapaz de explicar o conteúdo por conta própria.

O mesmo vale para qualquer outra técnica, que pode ser usada, mas com consciência de que entender o conteúdo e praticar com simulados é muito mais importante.


4. Demorar para treinar com questões 

O momento da prova é difícil para qualquer estudante, ainda mais se cometer um dos erros comuns em Concursos Públicos que é demorar para estudar por meio de questões anteriores.

E por que isso prejudica? Se um aluno só estuda teoria e assiste vídeo aula, terá pouco conhecimento concreto de como esse conteúdo é cobrado nas provas. 

É comprovado que o aprendizado depende de algo essencialmente ativo, e nada melhor para isso do que estudar com provas anteriores.
 
Temos certeza que depois deste artigo você vai ficar longe dos erros comuns em Concursos Públicos. Quer saber mais dicas sobre carreira pública? Acompanhe o blog da Tec Concursos, temos artigos novos toda semana para te ajudar! 
Deixe seu comentário:
Ocorreu um erro na requisição, tente executar a operação novamente.