Concurso STF: vagas previstas no PLOA; saiba detalhes!

Por: Jaqueliny

STF em Brasília

O Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) de 2022 prevê vagas para o concurso STF.

O último concurso publicado pelo Superior Tribunal Federal foi realizado em 2013 com oferta de vagas para os cargos de Analista e Técnico Judiciário.

Atualmente, o STF conta com mais de 60 cargos vagos. 

Neste conteúdo você fica por dentro do panorama completo da próxima seleção, detalhes sobre os cargos, remuneração e muito mais. Utilize o menu abaixo para facilitar a navegação:

Guia do concurso STF

A equipe do TEC Concursos elaborou um Guia exclusivo para o concurso STF. Com ele, é possível conferir cadernos de questões específicas para os cargos e ter acesso a todas as informações resumidas sobre a seleção do Superior Tribunal Federal.

Concurso STF: movimentações e linha do tempo

O PLOA 2022 prevê o provimento de 82 vagas para o STF.

Linha do tempo do concurso

Você que está estudando para o concurso STF certamente quer saber detalhes da seleção, por isso, logo a seguir confira todos os andamentos até o momento.

  • Em agosto de 2021 o PLOA foi enviado para o Congresso Nacional.

Concurso STF: cargos, vagas e remunerações

Os cargos são divididos em três áreas: área judiciária, área de apoio especializado e área administrativa.

Atribuições e requisitos dos cargos do Superior Tribunal Federal

Técnico

  • Requisito: nível médio.
  • Atribuições: execução de tarefas de suporte técnico e administrativo. Os ocupantes terão outras atribuições a depender da área escolhida.
  • Remuneração: R$ 7.591,37.

Analista

  • Requisito: nível superior.
  • Atribuições: os ocupantes deverão exercer atividades de planejamento; organização; coordenação; supervisão técnica; assessoramento; estudo; pesquisa; elaboração de laudos, pareceres ou informações e execução de tarefas de elevado grau de complexidade. Assim como dito no item anterior, as atribuições dependem da área e especialidade.
  • Remuneração: R$ 12.455,30.

Os valores acima são referentes ao vencimento básico e Gratificação de Atividade Judiciária (GAJ). Além disso, os ocupantes ainda poderão receber o Adicional de Qualificação (AQ). Veja os quantitativos a seguir:

  • 12,5% em se tratando de título de Doutor;
  • 10% em se tratando de título de Mestre;
  •  7,5% em se tratando de certificado de Especialização;
  • 1% ao servidor que possuir conjunto de ações de treinamento que totalize pelo menos 120 horas, observado o limite de 3%; e
  • 5% para os Técnicos Judiciários portadores de diploma de curso superior.

Cargos vagos no STF

Conforme os dados disponibilizados pelo STF no dia 3 de setembro de 2021, no total, 62 cargos estão vagos.

  • Analista Judiciário na área administrativa: 7 vagas;
  • Analista Judiciário na área de especialidade biblioteconomia: 1 vaga;
  • Analista Judiciário na área de especialidade revisão de textos: 3 vagas;
  • Analista Judiciário na área de Judiciária: 13 vagas;
  • Analista Judiciário na área judiciária especialidade de Oficial de Justiça avaliador Federal: 1 vaga;
  • Técnico judiciário administrativa: 25 vagas;
  • Técnico judiciário administrativa na especialidade de segurança judiciária: 5 vagas;
  • Técnico judiciário apoio especializado na especialidade de desenvolvimento de sistemas: 5 vagas;
  • Técnico judiciário apoio especializado na especialidade de suporte em Tecnologia da Informação: 2 vagas.

Tudo sobre o STF e progressão salarial

O Supremo Tribunal Federal é o órgão de cúpula do Poder Judiciário, e a ele compete, precipuamente, a guarda da Constituição, conforme definido no art. 102 da Constituição da República (CF). O STF é composto por onze Ministros.

Entre suas principais atribuições está a de julgar a ação direta de inconstitucionalidade de lei ou ato normativo federal ou estadual, a ação declaratória de constitucionalidade de lei ou ato normativo federal, a arguição de descumprimento de preceito fundamental decorrente da própria Constituição e a extradição solicitada por Estado estrangeiro.

As carreiras dos servidores foram instituídas pela Lei nº 11.416, de 15 de dezembro de 2006.

Confira na tabela a seguir a progressão salarial:

Dados do Cargo Vencimento Básico Gratificações e Similares Total (Vencimento +GAJ)
Carreira Nível de Escolaridade Classe Padrão GAJ 140% Total (Vencimento +GAJ)
Analista Judiciário Superior C 13 7.792,30 10.909,22 18.701,52
12 7.565,34 10.591,48 18.156,82
11 7.344,99 10.282,99 17.627,98
B 9 6.923,36 9.692,70 16.616,06
8 6.550,01 9.170,01 15.720,02
7 6.359,23 8.902,92 15.262,15
6 6.174,01 8.643,62 14.817,63
10 7.131,06 9.983,49 17.114,55
A 5 5.994,18 8.391,86 14.386,04
4 5.819,60 8.147,44 13.967,04
3 5.505,76 7.708,07 13.213,83
2 5.345,40 7.483,56 12.828,96
1 5.189,71 7.265,59 12.455,30
Técnico Judiciário Médio C 13 4.749,33 6.649,06 11.398,39
12 4.611,00 6.455,39 11.066,39
11 4.476,70 6.267,37 10.744,07
B 9 4.219,71 5.907,60 10.127,31
8 3.992,16 5.589,03 9.581,19
7 3.875,88 5.426,24 9.302,12
6 3.763,00 5.268,20 9.031,20
10 4.346,31 6.084,83 10.431,14
A 5 3.653,40 5.114,75 8.768,15
4 3.546,98 4.965,78 8.512,76
3 3.355,71 4.697,99 8.053,70
2 3.257,97 4.561,16 7.819,13
1 3.163,07 4.428,30 7.591,37

Último edital do concurso do STF

A última seleção pública do Superior Tribunal Federal foi organizada pelo Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/UnB).

O edital foi publicado em 2013 e ofertou vagas para os cargos de Analista e Técnico Judiciário.

Conforme informações disponibilizadas pelo Tribunal, no total, foram convocadas mais de 230 aprovados para nomeação. Veja o detalhamento:

Cargo Área de atividade Especialidade Vagas
no edital
Convocados
Lista geral Com
deficiência
ANALISTA
JUDICIÁRIO
ADMINISTRATIVA 3 19º
APOIO
ESPECIALIZADO
ANÁLISE DE
SISTEMAS DE
INFORMAÇÃO
3
COMUNICAÇÃO
SOCIAL
2
ENGENHARIA
ELÉTRICA
1
ESTATÍSTICA 1
MEDICINA
RAMO:
MEDICINA DO
TRABALHO
1
REVISÃO DE
TEXTOS
1
SUPORTE EM
TECNOLOGIA DA
INFORMAÇÃO
3
JUDICIÁRIA 4 68º
TÉCNICO
JUDICIÁRIO
ADMINISTRATIVA 8 76º
SEGURANÇA
JUDICIÁRIA
3 1°
APOIO ESPECIALIZADO TECNOLOGIA DA
INFORMAÇÃO
4 32º

Quais as etapas do concurso STF?

Cargo Etapas Tipo de avaliação
Analista e Técnico Judiciário Prova objetiva caráter eliminatório e classificatório
Prova discursiva caráter eliminatório e classificatório

Conhecimentos gerais para o cargo de Técnico 

  • Língua portuguesa;
  • Noções de direito constitucional (exceto para o cargo de Técnico Judiciário – Área:
    Administrativa);
  • Noções de direito administrativo (exceto para o cargo de Técnico Judiciário – Área:
    Administrativa);
  • Raciocínio lógico;
  • Noções de informática (exceto para o cargo de Técnico Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Tecnologia da Informação);
  • Regimento interno do STF; e
  • Legislação específica.

Conhecimentos gerais para o cargo de Analista

  • Língua portuguesa (exceto para o cargo de Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado Especialidade: Revisão de Texto);
  • Língua inglesa;
  • Raciocínio lógico (apenas para os cargos de Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado –
    Especialidade: Análise de Sistemas de Informação e Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Suporte em Tecnologia da Informação);
  • Noções de informática: (exceto para os cargos de Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Análise de Sistemas de Informação e Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Suporte em Tecnologia da Informação);
  • Noções de direito constitucional (exceto para o cargo de Analista Judiciário – Área: Judiciária);
  • Noções de direito administrativo (exceto para os cargos de Analista Judiciário – Área: Administrativa e Analista Judiciário – Área: Judiciária);
    Legislação específica;
  • Regimento interno (para os cargos de Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Comunicação Social, Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Estatística, Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Revisão de Texto e  Analista Judiciário – Área: Judiciária);
  • Regimento interno do STF (apenas para os cargos Analista Judiciário – Área: Administrativa, Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Análise de Sistemas de Informação, Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Engenharia Elétrica, Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Medicina – Ramo: Medicina do Trabalho, Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Medicina – Ramo: Ortopedia e Analista Judiciário – Área: Apoio Especializado – Especialidade: Suporte em Tecnologia da Informação).

Assine o TEC Concursos

A plataforma do TEC Concursos possui mais de 1,7 milhão de questões cadastradas, além de aulas teóricas com conteúdos atualizados que já auxiliaram concurseiros e concurseiras em aprovações.

Direto ao ponto e sem rodeios! Com a plataforma do TEC você pode direcionar os estudos para uma banca, um cargo, seleção de uma Instituição e muito mais.

E você pode começar estudando de graça. Veja os benefícios da conta gratuita:

  • Resolva 15 questões por dia, com exceção de questões inéditas e adaptadas;
  • Leia três capítulos de teoria por dia;
  • Participe da comunidade;
  • Baixe editais, provas e gabaritos; e
  • Crie caderno de questões.

Os interessados no concurso STF podem estudar com 2.182 questões que já estão disponíveis na plataforma.

Clique aqui e assine a plataforma

Concursos previstos para 2022

O Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) de 2022 prevê 73,640 vagas, sendo 69.543 para a realização ou continuidade de concursos públicos e outras 4.097 para criação.

As seleções da CGU, TJDFT e INSS são exemplos de concursos públicos aguardados para o próximo ano. Lembrando que a Controladoria-Geral da União já possui banca organizadora, ou seja, o edital pode sair a qualquer momento.

Concursos 2022: 73.640 vagas previstas para o próximo ano. Confira!

Resumo do concurso do STF

  • Superior Tribunal Federal (STF)
  • Cargos: Técnico e Analista judiciário
  • Remuneração de R$ 7.591,37 a R$ 12.455,30
  • Situação atual do concurso: previsto no PLOA
  • Veja aqui o último edital do STF

 

ASSINE AQUI O TEC CONCURSOS

 

Jaqueliny

Graduação em comunicação social com habilitação em Jornalismo. Cursando pós-graduação em Marketing, Branding e Growth pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS).