Concurso Sefaz MG: retificação altera datas; Veja!

Por: Bruna

Concurso Sefaz MG

O edital do concurso Sefaz MG foi publicado no início de julho de 2022.

O concurso público da Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais (SEF/MG) oferta 431 vagas para o cargo de Auditor em três distintas áreas: Auditoria e Fiscalização, Tributação e Tecnologia da Informação.

No entanto, a primeira retificação foi publicada com alterações importantes nas datas das inscrições e das provas, bem como em alguns tópicos do conteúdo programático.

O período para inscrições iniciará no dia 6 de setembro, no site da FGV.

Quer saber tudo sobre o assunto? Neste conteúdo você fica por dentro do panorama completo da seleção, como detalhes sobre os cargos, remuneração e muito mais. Navegue pelo índice abaixo!

Guia para o concurso da Sefaz MG

A equipe do TEC Concursos elaborou um Guia exclusivo para o concurso Sefaz MG com todas as informações resumidas sobre a seleção, além de uma análise geral dos concursos anteriores.

Guia de estudo para o concurso Sefaz MG

Os Guias do TEC são pacotes para editais, preparados por professores com questões, teoria e comentários. E sabe o que é ainda melhor? Eles estão prontos para o estudo e são focados no último edital publicado.

Concurso Sefaz MG: informações importantes

A princípio, esta seleção terá validade de 2 anos, podendo ser prorrogado, uma vez, por igual período, levando-se em conta a oportunidade e conveniência da Administração Pública.

Dito isso, vamos às datas importantes que constam no cronograma do edital. Confira!

Inscrição entre os dias: 6/9/2022 e 5/10/2022
Isenção: de 6/9/2022 a 12/9/2022
Pagamento da taxa: até 6/10/2022
Provas: 8/1/2023 (objetiva) e 19/3/2023 (discursiva)
Resultado final: a definir

Movimentações e linha do tempo

Você que está estudando para o concurso da Sefaz MG certamente quer saber detalhes da seleção, por isso, logo a seguir confira todos os andamentos até o momento.

  • 26 de julho de 2022: edital retificado.
  • 26 de julho de 2022: retificação altera datas das inscrições, das provas e tópicos do conteúdo programático.
  • 30 de junho de 2022: edital publicado.
  • 30 de junho de 2022: banca definida.
  • Junho de 2022: relatório do processo de compra indica FGV como vencedora da licitação.
  • Agosto de 2021: grupo de trabalho formado.

Saiba como fazer inscrição no concurso da Sefaz MG

Os interessados devem fazer a inscrição entre os dias 6 de setembro a 5 de outubro de 2022.

Os pedidos só serão aceitos no site da Fundação Getulio Vargas (FGV).

A taxa de inscrição é de R$ 183 e deve ser paga até o dia 6 de outubro de 2022.

Cargos, vagas e remunerações

O certame oferta 431 vagas para a carreira de Auditor da Receita Estadual – AFRE, as oportunidades foram distribuídas três áreas: Auditoria e Fiscalização, Tributação e Tecnologia da informação.

Os ocupantes receberão o vencimento básico de R$ 5.711,35 mais gratificação de até R$ 19.580,00. Ou seja, a remuneração pode chegar até R$ 25.291,35.

Auditor Fiscal da Receita Estatual – AFRE
Requisitos: Graduação de nível superior em qualquer área de formação
Área de Conhecimento Vencimento Básico (Fixo) Gratificação (Variável) Valor da Taxa de Inscrição Nº de Vagas
AC PcD Total
Auditoria e Fiscalização R$ 5.711,35 Até R$ 19.580,00 R$ 183,50 270 31 301
Tributação 36 4 40
Tecnologia da Informação 81 9 90
  431

Atribuições

Auditoria e fiscalização: constituir, mediante lançamento, o crédito tributário, aplicar penalidades e arrecadar tributos; Executar atividades de controle fiscal relacionadas às ações, aos procedimentos de fiscalização e aos pedidos de restituição, inclusive as ações e procedimentos de fiscalização emergenciais, em atendimento às demandas que exijam pronta intervenção; entre outras.

Tributação: elaborar a legislação tributária, segundo as normas técnicas estabelecidas para redação de atos normativos de âmbito estadual; orientar o público externo e interno sobre a correta interpretação e aplicação da legislação tributária; divulgar e disponibilizar a legislação tributária e as informações a ela referentes ao público externo e interno; entre outras.

Tecnologia da Informação: gerir projetos e ações de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e acompanhá-los, mediante a utilização de indicadores, além de aplicar os princípios de gestão de riscos; definir normas, diretrizes, metodologias e regras de governança para processos, procedimentos e serviços de TIC, em consonância com as diretrizes e regras de governança da SEF; entre outras.

Conforme a Lei 20748 de 25 de junho de 2022, a progressão salarial para o cargo de Auditor é conforme as tabelas abaixo:

Escolaridade Nível Grau
Superior A B C D E
I 5.189,31 5.344,99 5.505,34 5.670,50 5.840,62
II 6.486,64 6.746,10 7.015,94 7.296,58 7.588,44
F G H I J
I 6.015,83 6.196,30 6.382,19 6.573,66 6.770,87
II 7.891,98 8.207,66 8.535,97 8.877,41 9.232,51

Concurso Sefaz MG: etapas

O concurso público para o cargo da carreira de Auditor Fiscal da Receita Estadual (AFRE) será composto por duas Provas Escritas Objetivas, com 130 questões, e uma Prova Escrita Discursiva com 4 questões.

As Provas Escritas Objetivas e a Prova Escrita Discursiva para o cargo de AFRE serão realizadas, preferencialmente, na cidade de Belo Horizonte/MG, na data provável de 8 de janeiro de 2023 e 19 de março de 2023 respectivamente, segundo o horário de Brasília/DF.

Sendo a Prova Escrita Objetiva de Conhecimentos Gerais – Prova I realizada no turno da manhã, de 8h às 12h30min. A Prova Escrita Objetiva de Conhecimentos Específicos – PROVA II no turno da tarde, de 15h às 18h30min. E, por fim, a Prova Escrita Discursiva – PROVA III no turno da manhã, de 8h às 12h30min.

Prova escrita objetiva

As avaliações serão compostas por 80 questões de conhecimentos gerais e 50 de conhecimentos específicos. As questões da Prova Escrita Objetiva serão elaboradas com base nos conteúdos programáticos constantes do Anexo II do edital. Os quadros a seguir apresentam as disciplinas e o número de questões para cada Área de Conhecimento:

1ª ETAPA – PROVA OBJETIVA I
Conhecimentos Gerais (comum a todas as Áreas de Conhecimento)
Disciplina Questões Peso Pontos
Módulo I
1. Língua Portuguesa 8 1 8
2. Raciocínio Lógico-Matemático 8 1 8
Módulo II
3. Direito Administrativo e Legislação Específica 12 1 12
4. Direito Constitucional e Direitos Humanos 8 1 8
5. Direito Civil I e Direito Empresarial I 10 1 10
6. Direito Penal 6 1 6
7. Direito Tributário I 10 1 10
Módulo III
8. Contabilidade Geral 10 1 10
9. Economia e Matemática Financeira 8 1 8
TOTAL 80 80
 1ª ETAPA – PROVA OBJETIVA II
Conhecimentos Específicos – AUDITORIA E FISCALIZAÇÃO
Disciplina Questões Peso Pontos
1. Auditoria Contábil 10 2 20
2. Contabilidade Avançada e Contabilidade de Custos 12 2 24
3. Estatística 6 2 12
4. Direito Tributário II 12 2 24
5. Legislação Tributária do Estado de Minas Gerais 10 2 20
TOTAL 50 100
Conhecimentos Específicos – TRIBUTAÇÃO
Disciplina Questões Peso Pontos
1. Direito Civil II, Processual Civil e Empresarial II 18 2 36
2. Direito Tributário II 12 2 24
3. Direito Processual Tributário 10 2 20
4. Legislação Tributária do Estado de Minas Gerais 10 2 20
TOTAL 50 100
Conhecimentos Específicos – TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
Disciplina Questões Peso Pontos
1. Língua Inglesa 6 2 12
2. Ciências de Dados 10 2 20
3. Desenvolvimento de Sistemas 8 2 16
4. Banco de Dados 6 2 12
5. Infraestrutura Tecnológica 6 2 12
6. Segurança da Informação 6 2 12
7. Legislação Tributária do Estado de Minas Gerais 8 2 16
TOTAL 50 100

Prova discursiva

As provas discursivas serão compostas de quatros questões, as respostas deverão ter no máximo 30 linhas. Veja a seguir quais as disciplinas que serão cobradas nesta etapa.

2ª ETAPA – PROVA DISCURSIVA
Conhecimentos Específicos – AUDITORIA E FISCALIZAÇÃO
Disciplina
1. Auditoria Contábil
2. Contabilidade Avançada e Contabilidade de Custos
3. Estatística
4. Direito Tributário I e Direito Tributário II
5. Legislação Tributária do Estado de Minas Gerais
Conhecimentos Específicos – TRIBUTAÇÃO
Disciplina
1. Direito Civil II, Processual Civil e Empresarial II
2. Direito Tributário I e Direito Tributário II
3. Direito Processual Tributário
4. Legislação Tributária do Estado de Minas Gerais
Conhecimentos Específicos – TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO
Disciplina
1. Ciências de Dados
2. Desenvolvimento de Sistemas
3. Banco de Dados
4. Infraestrutura Tecnológica
5. Segurança da Informação

Estude de forma direcionada! A plataforma possui mais de 70 mil questões específicas para as provas elaboradas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

Tem interesse no concurso, mas quer saber mais sobre as seleções anteriores? A gente conta! Veja bem, os últimos editais do concurso da Secretaria da Fazenda de Minas Gerais foram publicados em 2005 e 2007.

O primeiro deles foi organizado pela Escola de Administração Fazendária (ESAF) e ofertou vagas para os cargos de Auditor-Fiscal e Gestor fazendário. Já o edital de 2007 foi organizado pela Fundação Universitária José Bonifácio (FUJB) e ofertou vagas para os cargos de Gestor e Técnico fazendário.

Como estudar para concurso público?

Já deu para notar que a preparação para concursos começa muito antes do edital ser publicado, não é mesmo? Isso porque, as provas, muito provavelmente, não serão nada fáceis.

No entanto, é totalmente possível estudar para concurso público de forma muito eficaz mesmo após a publicação do edital. Para isso:

  1. defina um objetivo específico;
  2. monte um plano de estudos com base nos assuntos cobrados no edital;
  3. crie uma rotina, não apenas de estudos, mas para a sua vida;
  4. cuide da sua saúde física e mental;
  5. faça revisões periódicas;
  6. escolha boas ferramentas de apoio;
  7. estude por questões específicas para o concurso que você escolheu.

Por fim, uma orientação extra, mas muito relevante: não desanime!

Vítor Menezes, sócio-fundador do Tec Concursos, disse certa vez que concurso público é uma maratona, uma corrida. É uma competição de longo prazo onde você vai, um pouquinho todo dia, estudando devagar, mas de forma consistente.

Agora, se você quiser acelerar seus resultados, que tal estudar de uma forma um pouco diferente? Acompanhe!

Comece a estudar por questões de provas anteriores

Mencionamos no tópico anterior que estudar por questões é uma das formas de estudar que proporcionam maior eficácia, mas você sabia que essa é uma das melhores estratégias para aprender e reter o conteúdo estudado?

Isso acontece, pois o estudo reverso, como o método também é conhecido, potencializa o aprendizado e permite que ele seja metrificado. Ou seja, você consegue medir seu conhecimento em determinado conteúdo.

Além disso, ao estudar por questões de concursos é possível ter mais clareza sobre como a banca examinadora funciona e, consequentemente, melhorar seu desempenho na hora da prova. Dessa forma, ao monitorar e avaliar seu progresso, fica mais fácil ajustar a rota sempre que necessário.

Por fim, estudar por questões de provas anteriores costuma ser bem menos cansativo, uma vez que torna o aprendizado mais dinâmico, além de ser excelente para revisar conteúdos de forma rápida e eficiente.

Estude com o Tec Concursos

Direto ao ponto e sem rodeios. Com a plataforma do TEC você pode direcionar os estudos por banca, cargo, instituição e muito mais. E, o melhor, você pode começar estudando de graça!

Veja os benefícios da conta gratuita:

  • Resolva 15 questões por dia, com exceção de questões inéditas e adaptadas;
  • Leia três capítulos de teoria por dia;
  • Participe da comunidade;
  • Baixe editais, provas e gabaritos; e
  • Crie caderno de questões.

A ferramenta do Tec Concursos possui mais de 2 milhões de questões cadastradas, além de aulas teóricas com conteúdos atualizados, que já auxiliaram milhares de concurseiros em aprovações.

Não perca nenhuma oportunidade!

A lista de concursos abertos no Brasil está em constante atualização. Isso acontece pois os editais são publicados de acordo com a necessidade dos órgãos e disponibilidade orçamentária. Veja também quais são os concursos previstos para 2022 e inicie agora mesmo a sua preparação.

Resumo do concurso Sefaz MG

Secretaria de Fazenda de Minas Gerais (SEF/MG)
Situação atual Edital publicado
Vagas 431
Cargos Auditor Fiscal da Receita Estadual (AFRE)
Escolaridade Nível superior
Remuneração até R$ 25.291,35
Banca FGV
Inscrição de 6/9/2022 a 5/10/2022
Taxa R$ 183,50
Prova 8/1/2023 (objetiva) e 19/3/2023 (discursiva)
Edital 2022 AFRE

CRIE SUA CONTA E ESTUDE DE GRAÇA

Bruna

Formação em marketing e sólida experiência em estratégias de conteúdo focadas em educação e desenvolvimento de carreira. Exerceu atividades de natureza técnico-administrativa como servidora pública no Governo do Estado de São Paulo e na Prefeitura de São Paulo entre os anos de 2008 e 2011. Dedica-se, atualmente, ao marketing e à literatura.