Concurso do Bacen - prepare-se com antecedência

BANCO CENTRAL DO BRASIL - BACEN
 
A possibilidade de concurso para o BANCO CENTRAL DO BRASIL (BACEN) é uma realidade.
 
A cada ano novas vagas surgem o que possibilita a realização de concurso público para os cargos de Analista e Técnico do BANCO CENTRAL DO BRASIL (BACEN).
 
Aqui no TEC Concursos temos um material excelente para a sua preparação. São módulos das mais diversas matérias com teoria e questões comentadas para a sua preparação.
 
As questões foram separadas conforme o último edital, todas elas resolvidas pelos nossos professores e há um curso específico para cada cargo.
 
Acesse o Curso Pré-Edital para Analista e Técnico do BACEN:
 
 
DO CARGO
 
Compete ao Analista do Banco Central do Brasil as atribuições a seguir especificadas:
I – formulação, execução, acompanhamento e controle de planos, programas e projetos relativos a: a) gestão das reservas internacionais; b) políticas monetária, cambial e creditícia; c) emissão de moeda e papel-moeda; d) gestão de instituições financeiras sob regimes especiais; e) desenvolvimento organizacional; e f) gestão da informação e do conhecimento.
II – gestão do sistema de metas para a inflação, do sistema de pagamentos brasileiro e dos serviços do meio circulante.
III – monitoramento do passivo externo e a proposição das intervenções necessárias.
IV – supervisão do Sistema Financeiro, compreendendo: a) organização e a disciplina do sistema; b) fiscalização direta das instituições financeiras e das demais instituições autorizadas a funcionar pelo Banco Central do Brasil; c) monitoramento indireto das instituições financeiras, de conglomerados bancários, de cooperativas de crédito, de sociedades de crédito ao micro-empreendedor, de administradoras de consórcio, de agências de fomento, de demais entidades financeiras independentes e de conglomerados financeiros que não possuam entre suas empresas bancos de qualquer espécie; d) prevenção de ilícitos cambiais e financeiros; e) monitoramento e análise da regularidade do funcionamento das instituições sujeitas à regulação e à fiscalização do Banco Central do Brasil; f) proposta de instauração de processo administrativo punitivo aplicado às instituições sujeitas à regulação e à fiscalização do Banco Central do Brasil; e g) análise de projetos, de planos de negócios e de autorizações relacionadas ao funcionamento de instituições sujeitas à fiscalização do Banco Central do Brasil.
V – elaboração de estudos e pesquisas relacionadas a: a) políticas econômicas; b) acompanhamento do balanço de pagamentos; c) desempenho das instituições financeiras não autorizadas a funcionar no País; e d) regulamentação das matérias de interesse do Banco Central do Brasil.
VI – formulação e proposição de políticas, diretrizes e cursos de ação relativamente à gestão estratégica dos processos organizacionais.
VII – fiscalização das operações do meio circulante realizadas por instituições custodiantes de numerário. VIII – elaboração de relatórios, pareceres e de propostas de atos normativos relativos às atribuições previstas neste artigo. IX – realização das atividades de auditoria interna.
X – elaboração de informações econômico-financeiras.
XI – desenvolvimento de atividades na área 3 de tecnologia e segurança da informação voltada ao desenvolvimento, à prospecção, à avaliação e à internalização de novas tecnologias e mercadologias.
XII – desenvolvimento de atividades pertinentes às áreas de programação e execução orçamentária e financeira, de contabilidade e auditoria, de licitação e contratos, de gestão de recursos materiais, de patrimônio e documentação e de gestão de pessoas, estrutura e organização.
XIII – representação do Banco Central do Brasil junto à órgãos governamentais e instituições internacionais, ressalvadas as competências privativas dos Procuradores do Banco Central do Brasil.
XIV – atuação em outras atividades vinculadas às competências do Banco Central do Brasil, ressalvadas aquelas privativas dos Procuradores do Banco Central do Brasil.
São também atribuições dos titulares do cargo de Analista do Banco Central do Brasil, em caráter geral, o planejamento, a organização e o acompanhamento da execução das atividades previstas no artigo 5º da Lei nº 9.650, de 1998.
 
Já para o cargo de Técnico do Banco Central do Brasil as atribuições a seguir especificadas:
I – desenvolvimento de atividades técnicas e administrativas complementares às atribuições dos Analistas e Procuradores do Banco Central do Brasil.
II – apoio técnico-administrativo aos Analistas e Procuradores do Banco Central do Brasil no que se refere ao desenvolvimento de suas atividades.
III – execução de atividades de suporte e apoio técnico necessárias ao cumprimento das competências do Banco Central do Brasil que, por envolverem sigilo e segurança do Sistema Financeiro, não possam ser terceirizadas, em particular às pertinentes às áreas de: a) tecnologia e segurança da informação voltadas ao desenvolvimento, à prospecção, à avaliação e a internalização de novas tecnologias e metodologias; e b) programação e execução orçamentária e financeira, de contabilidade e auditoria, de licitação e contratos, de gestão de recursos materiais, de patrimônio e documentação e de gestão de pessoas, estrutura e organização.
IV – operação do complexo computacional e da rede de teleprocessamento do Banco Central do Brasil;
V - supervisão da execução de atividades de suporte e apoio técnico terceirizadas.
VI – atendimento e orientação ao público em geral sobre matérias de competência do Banco Central do Brasil procedendo, quando for o caso, a análise e ao encaminhamento de denúncias e reclamações.
VII – realização de atividades técnicas e administrativas complementares às operações relacionadas com o meio circulante, tais como: a) distribuição de numerário à rede bancária e às instituições custodiantes; b) procedimentos de análise de numerário suspeito ou danificado; c) monitoramento do processamento automatizado de numerário; e d) monitoramento e execução dos 4 eventos de conferência e destruição do numerário.
VIII – elaboração de cálculos, quando solicitado, nos processos relativos ao contencioso administrativo e judicial.
IX – execução e supervisão das atividades de segurança institucional do Banco Central do Brasil, especialmente no que se refere aos serviços do meio circulante e à proteção de autoridades internas do Banco Central do Brasil.
X – desenvolvimento de outras atividades da mesma natureza e nível de complexidade.
 
DO SUBSÍDIO
O subsídio para o cargo de Analista é R$ 14.289,24 e para o cargo de Técnico é de R$ 5.421,30 para uma jornada de trabalho de 40 horas semanais.
 
DA PROVA OBJETIVA
As provas de Conhecimentos Básicos e Específicos são de caráter eliminatório e classificatório e por isso exige uma preparação que deve ser iniciada imediatamente.
 
Acesse o Curso Pré-Edital para:
 
 
VEJA COMO TEC CONCURSOS TE AJUDA!
Separamos no site do TEC Concursos maiores informações da última prova para os cargos de Analista e Técnico que podem ser acessadas nos links abaixo:
Para os Cargos de Analistas e suas Especialidades:
 
Área 1 - Análise e Desenvolvimento de Sistemas:
 
Área 2 - Suporte à Infraestrutura de Tecnologia da Informação:
 
Área 3 - Política Econômica e Monetária:
 
Área 4 - Contabilidade e Finanças:
 
Área 5 - Infraestrutura e Logística:
 
Área 6 - Gestão e Análise Processual:
 
Para o cargo de Técnico na Especialidade:
 
Área 1 - Suporte Técnico-Administrativo:
 
Nesse endereço você encontrará informações como:
 
Nota de corte – Salário Concorrência - Distribuição das questões por matéria e assunto - Links para os outros concursos anteriores deste cargo, entre outras informações.
 
Poderá, ainda, baixar o edital e as provas anteriores em PDF.
 
Se você for assinante, tem acesso ainda à resolução das questões que já foram comentadas pelos nossos professores.
 
Para visualizar a informação você deve estar logado em nosso site. Mas fique tranquilo, pois, se você ainda não é nosso aluno, Acesse Já e Faça seu cadastro. É de graça! Clique Aqui!
 
Se você for aluno novo, quando do cadastro inicial você ganha 5 dias de acesso grátis ao Sistema de Questões. Acesse Já!
 
INFORMAÇÕES IMPORTANTES PARA A SUA PREPARAÇÃO:
 
O TEC Concursos já conta com um curso Pré-Edital específico para a sua preparação!
Acesse o Curso Pré-Edital para:
 
 
A qualidade do material é algo indiscutível. Dos 100 primeiros colocados do último concurso de Auditor da Receita Federal, 62 passaram pelo TEC. Não perca tempo! O nível dos candidatos está cada vez mais exigente e é de suma importância para o seu sucesso ter uma ótima preparação por meio de cursos direcionados.
 
Saia na frente e faça parte do TEC CONCURSOS. Você vai encontrar os melhores Professores e os melhores materiais, tudo para a sua aprovação.
 
Deixe seu comentário:
Ocorreu um erro na requisição, tente executar a operação novamente.